Versão de produção do Cruze cede ao modelo da Stock Car monobloco e visual. Mas no resto a versão para as pistas é bem diferente do modelo de rua

A Chevrolet comemora a vitória do Cruze na Stock Car 2020, mas o modelo das pistas conta somente com o monobloco e identidade visual da versão de produção. De resto, o Cruze vencedor se difere e muito do carro das ruas. A começar pelo motor V8 de 550 cv no lugar do 1.4 de 150 cv.

O chassi do Cruze da Stock Car é o mesmo usado anteriormente na competição, a mudança neste ano, permitiu que a carroceria do modelo de rua fosse montada sobre o chassi, assim, além do motor, o Cruze vencedor das pistas tem suspensão, freio, câmbio, entre outros componentes exclusivos para as competições.

Sendo assim, o comprador do Chevrolet Cruze não estará comprando o carro vencedor da Stock Car 2020 e sim, um modelo que empresta seu monobloco e identidade visual para um carro de corrida. “O Novo Cruze Stock Car foi desenvolvido dentro de um conceito inovador que permitiu uma identidade visual semelhante ao do veículo que o consumidor Chevrolet pode dirigir na rua, porém com aquela dose de performance já consagrada pelo modelo de competição”, explica Jorge Maiquez, responsável pela área de Marketing Experience da GM América do Sul.

Cruze campeão

A última corrida da Stock Car 2020 foi disputada em Interlagos e onze pilotos tinham chance de levar o título de campeão. Mas no fim que faturou a competição foi o piloto Ricardo Maurício pela equipe Eurofarma RC. A Chevrolet levou assim seu 35º título na competição e o quarto consecutivo do Cruze, que nas três edições anteriores não tinha nem o chassi do modelo de rua e era apenas uma bolha que servia de casca para o chassi tubular. A mudança nos carros, que ganharam carroceria completamente nova além do monobloco do modelo de rua estreou na etapa de 2020.

Mas como será a Stock Car no futuro para a Chevrolet? Afinal a vida do Cruze não seguirá muito além e a marca ficará sem um representante médio para a categoria ou será que ele se valerá do Onix Plus ou do Tracker?

A Chevrolet é fundadora da categoria, que estreou em 1979. Desde então, a Chevrolet vem sendo representada nas pistas por ícones como Opala, Omega, Astra, Vectra e Sonic.

A 41ª temporada da Stock Car foi uma das mais disputadas da história e contou com 25 pilotos, 13 equipes e duas fabricantes de automóveis.

Cruze Stock Car 2020
Foto | Duda Bairros/Vicar

Corolla é a mesma história

O Toyota Corolla que estreou na Stock Car 2020 segue a mesma lógica do Cruze, o modelo de produção cede para o carro das pistas, o monobloco e a identidade visual. No caso do Corolla Stock Car, toda a preparação é da Toyota Gazoo Racing.

O post ‘Monobloco’ do Chevrolet Cruze é campeão da Stock Car 2020 apareceu primeiro em Autos Segredos.