vw

Sabia que foram vendidos 57.405 Fuscas no Brasil em 2020? O número consta no balanço das vendas de carros usados da Fenabrave, a federação das concessionárias. Apesar de já ter saído de linha há 25 anos, o popular Volkswagen Fusca ainda é um sucesso e coleciona fãs.

Nesta quarta-feira, dia 20 de janeiro, celebra-se o Dia Nacional do Fusca. A data surgiu em 1989, criada por entusiastas brasileiros do modelo em parceria com a montadora alemã. Relembre abaixo dez fatos históricos do carro mais famoso da Volkswagen no Brasil e no mundo.

VW Fusca
Volkswagen/Divulgação

1. Fusca no Brasil

O nome Fusca é uma criação brasileira que surgiu da pronúncia da sigla VW, de Volkswagen. O “fauvê”, em alemão, era pronunciado como “fulque” ou “fulca”. Logo, virou Fusca. Antes de adotar o batismo que lhe rendeu popularidade, o compacto era, então, chamado de Volkswagen sedan.

2. Criado por Ferdinand Porsche

A história do Fusca remete às origens da Volkswagen e da Porsche. Isso porque o criador da fábrica de Stuttgart, Ferdinand Porsche, é o projetista do Fusca. O modelo foi feito em 1935 a pedido de Adolf Hitler, que queria um carro barato e resistente para motorizar a Alemanha.

O Fusca, portanto, estreou em 1938 e tornou-se rapidamente um sucesso. De início, chamava-se de Type 1, tendo como base os projetos Typ 12 e Typ 32 de Porsche. Contudo, posteriormente o engenheiro austríaco criou outro ícone com o mesmo projeto: o 356, primeiro carro da Porsche.

Inscreva-se no canal do Jornal do Carro no YouTube

Veja vídeos de testes de carros e motos, lançamentos, panoramas, análises, entrevistas e o que acontece no mundo automotivo em outros países!

Inscrever-se

3. Mais de 3,1 milhões

Este foi o número de Fuscas fabricados pela Volkswagen no Brasil. A montadora produziu o modelo em São Bernardo do Campo entre os anos de 1959 e 1986. Posteriormente, entre 1993 e 1996, a marca voltou a fabricar o Fusca a pedido do, então, presidente da República, Itamar Franco.

4. Kombi veio antes

O Fusca foi o 2º veículo da Volkswagen a ganhar produção nacional, em 3 de janeiro de 1959. Antes disso, em 1957, a montadora alemã deu início à produção da saudosa Kombi, com a maioria dos componentes nacionais. Dessa forma, o Fusca e a Kombi compartilhavam motor e várias peças.

VW Fusca
Volkswagen/Divulgação

5. Líder por 23 anos

A fama do Fusca não veio ao acaso. O modelo da Volkswagen foi o carro mais vendido do país por nada menos que 23 anos. Poucos modelos mantiveram tamanha supremacia. O Fusca tornou-se líder em 1959, quando foi nacionalizado, e ocupou a ponta de cima do ranking até 1982.

6. Diferentes nomes

Além do carisma do design, o Fusca também recebeu apelidos e diferentes nomes em várias partes do mundo. O mais conhecido é Beetle, que significa “besouro” em inglês. Na Alemanha, é Käfer. Nos Estados Unidos, Bug (“Inseto”). Carocha, Coccinelle e Escarabajo são outros nomes.



7. Vendeu mais de 20 milhões

O carro mais vendido de todos os tempos no mundo é o Toyota Corolla. Segundo a marca japonesa, já foram emplacadas mais de 40 milhões de unidades do sedã desde 1966. Entretanto, o campeão da Toyota está atualmente em sua 12ª geração. Já o Fusca foi o mesmo por quase 65 anos.

Pelos registros da marca alemã, o seu modelo teve exatamente 21.529.464 unidades produzidas entre 1938 e 2003, quando saiu de linha no México. Se não é o automóvel mais vendido de todos os tempos, o Fusca está em um grupo bem pequeno dos carros que superaram 20 milhões de unidades.

8. Só perde para Gol e Uno

No Brasil, o Volkswagen Fusca é até hoje o 3º carro mais vendido de todos os tempos. Com 3.037.402 unidades emplacadas no país, o icônico modelo só vendeu menos do que outros dois populares históricos: o Volkswagen Gol, que foi seu substituto, e o Fiat Uno.

VW Fusca 1996
Arquivo/Estadão

9. Último suspiro em 2003

Na virada do século, o velho Fusca ainda era fabricado no México, entretanto a produção já estava próxima do fim, o que ocorreu em 2003. Naquele ano, portanto, foi lançada a série especial Última Edición, que veio importada para o Brasil em quantidade limitadíssima.

10. Novo Fusca

Nos fim dos anos 1990, a Volkswagen tentou recriar o Fusca e, assim, lançou o New Beetle em 1997. O modelo nasceu da plataforma da 4ª geração do Golf, e herdou do hatch médio a mecânica. Contudo, a despeito de fazer uma releitura do design, o novo Fusca era um outro carro.

Ainda assim, o New Beetle teve seu mérito ao promover uma onda de carros com design retrô. Em 2011, a Volkswagen investiu na nova geração do modelo. E o Fusca, então, retornou ao Brasil no fim de 2012 em sua melhor forma, com o nome de sucesso e o motor 2.0 turbo de 200 cv.

Contudo, a versão moderna ficou cara e apenas trouxe o sabor da nostalgia aos brasileiros. Sua produção foi encerrada em 2019 no México, colocando um ponto final na trajetória do ícone da marca alemã.

Inscreva-se no canal do Jornal do Carro no YouTube

Veja vídeos de testes de carros e motos, lançamentos, panoramas, análises, entrevistas e o que acontece no mundo automotivo em outros países!

Inscrever-se

O post Dez curiosidades sobre o besouro no Dia Nacional do VW Fusca apareceu primeiro em Jornal do Carro – Estadão.