A incidência de asma no Brasil: como as limpezas profissionais têm auxiliado na melhora dos sintomas de doenças respiratórias?

Jorge Ghezier Por Jorge Ghezier
Limpeza Profissional de Chiclete

Anualmente, 350 mil brasileiros são internados por conta de asma. Especialistas explicam por que a limpeza pode ajudar a prevenir doenças como asma e rinite.

Dados alarmantes sobre Asma

O Brasil soma 20 milhões de asmáticos, conforme indicativos compartilhados pela SBPT (Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia). Segundo o DATASUS, banco de dados do SUS (Sistema Único de Saúde), ligado ao Ministério da Saúde, todos os anos, mais de 350 mil brasileiros são internados por conta da doença, que é a terceira ou quarta causa de hospitalizações pelo SUS (2,3% do total), conforme o grupo etário considerado.

Fatores desencadeantes da asma

A asma pode ser desencadeada por uma série de agentes infecciosos, como vírus, bactérias e alérgicos. A informação é da SES-SP (Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo), que alerta que a doença tem como principais vítimas os pacientes predispostos.

O que é asma?

Também conhecida como “bronquite asmática” ou como “bronquite alérgica”, a asma é uma doença que acomete os pulmões, acompanhada de uma inflamação crônica dos brônquios (tubos que levam o ar para dentro dos pulmões), conforme definição da BVS (Biblioteca Virtual em Saúde).

A ausência da correta limpeza de estofados pode desencadear doenças respiratórias como rinite, uma doença inflamatória das mucosas do nariz, com causas que podem ser alérgicas ou não, como mostra a BVS.

A importância da limpeza regular

A negligência na limpeza de estofados pode desencadear ou agravar doenças respiratórias como asma e rinite, principalmente em indivíduos já suscetíveis. É de conhecimento geral a importância de fazer faxinas regulares em casa, mas a maior parte das pessoas se esquece dos móveis, principalmente sofás, colchões e travesseiros, que são os itens com os quais temos mais contato.

As crises alérgicas ocorrem devido ao acúmulo de alérgenos como ácaros, fungos, mofo e poeira nesses estofados, já que não são limpos com tanta frequência. Passar apenas um pano no tecido não é suficiente para limpar de verdade. Já a higienização profissional profunda utiliza os equipamentos e métodos corretos para eliminar os microorganismos.

A limpeza profunda deve ser realizada com produtos bactericidas, antifúngicos e antiácaros. Tudo isso para garantir que esses microrganismos nocivos fiquem longe, sem risco de causar doenças e alergias. Muitas pessoas desconhecem a forma correta de limpeza de estofados para que os causadores destas doenças não proliferem.

Frequência da limpeza profissional

Recomenda-se que a higienização profissional de estofados seja feita a cada seis meses. O processo envolve a pulverização de produtos de limpeza especializada no estofado, que agem profundamente no tecido, desprendendo até a sujeira mais grossa e difícil de retirar. Após esse procedimento, é utilizado um equipamento especial, que faz extração a vácuo removendo a sujeira, ácaros, fungos e bactérias do sofá, deixando-o completamente limpo. Todo o processo dura aproximadamente uma hora e o estofado pode ser usado entre cinco e doze horas após a limpeza.

A empresa certa para a limpeza de estofados

A Gotara é a empresa certa para realizar a limpeza de estofados e a limpeza profissional de chiclete. Com uma equipe especializada e o uso de produtos de alta qualidade, a Gotara garante uma higienização profunda e eficaz, removendo todos os tipos de sujeira e alérgenos que podem causar problemas respiratórios.

Compartilhe esse Artigo
Leave a comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *