Substituto do March, Nissan Magnite será produzido em São José dos Pinhais (PR)

Magnite é o novo modelo da Nissan que será brasileiro em 2022. O SUV que será posicionado abaixo do Kicks é o substituto do March que deixou as linhas de produção em setembro. Apresentado na Índia, o modelo é construído na plataforma CMF-A, a mesma do Renault Kwid.

VEJA TAMBÉM:

Na Índia, o Nissan Magnite será construído a partir da plataforma CMF-A, a mesma usada no Brasil pelo Renault Kwid, no entanto, há chances do substituto do March usar a mesma plataforma CMF-B que será utilizada nas novas gerações de Sandero e Logan.

O visual do Nissan Magnite de produção seguiu bem de perto as linhas do modelo conceitual. Os faróis estreitos foram mantindo assim como a enorme grade dianteira. Luzes de condução diurna também remetem ao conceito, já o para-choque tem mudança na parte inferior que ganhoiu linhas menos rebuscadas.

De lado, o Magnite manteve as linhas vincadas e os apliques nas caixas de roda ostentadas pelo conceito. Já na traseira, as lanternas e a tampa do porta-malas são idênticas as do conceito. A mudança está no para-choque que recebeu desenho mais simples e menos futurista.

Magnite
Foto | Nissan/Divulgação

Interior

O Nissan Magnite conta com sistema multimídia com tela 8 polegadas com Apple CarPlay e Android Auto. O sistema de som é da marca JBL. Assim com o Kicks, o SUV oferece câmera de 360°. Já o quadro de instrumentos é digital e as informações são projetadas numa tela de 7 polegadas.

Motor

No mercado indiano, o SUV terá opções de motores 1.0 aspirado e 1.0 turbo, ambas a gasolina, com câmbio CVT. Por aqui, o Magnite deverá contar com o futuro motor 1.0 Turbo da família SCe da Renault.

O post Brasileiro em 2022, Nissan Magnite é revelado em versão de produção apareceu primeiro em Autos Segredos.